Como ajudar o seu filho a identificar as fake news?

Como ajudar o seu filho a identificar as fake news?

O seu filho está preparado para filtrar as notícias?

Embora bastante discutida nos últimos anos, as notícias falsas percorrem a história da humanidade há muito tempo. Popularizada em seu termo em inglês, as fake news podem ser prejudiciais para todos, inclusive pais e filhos, mas podem ser manejadas com a ajuda da escola e da família.

As fake news se proliferam e viralizam em uma velocidade intensa, principalmente entre os meios digitais. Nocivas, elas são criadas com a intenção de confundir e influenciar pessoas.

Como identificar as fake news?

Você com certeza deve se lembrar da história do Pinóquio, certo? O boneco de madeira que sonhava em ser humano, tinha o seu nariz aumentado cada vez que contava uma mentira. Era um sinal. E assim como o nariz que cresce, as fake news deixam rastros que podem ser identificados.

O primeiro passo é ajudá-lo a desenvolver uma das ferramentas mais importantes da educação: o pensamento crítico, ou seja, contar com uma postura criteriosa em relação às informações e ter a capacidade de formular uma opinião pessoal a partir de dados verdadeiros.

Abaixo, separamos alguns fatores que podem ajudar na identificação de fake news :

Tema bombástico

Cuidado! Duvidem de notícias com títulos sensacionalistas. Elas despertam a curiosidade do navegador e apressam os cliques por mais informações. 

Se o tema é bombástico, fontes não irão faltar

Com tantos veículos de comunicação, caso a notícia seja verdadeira, com certeza irá surgir aos montes. Na dúvida, pesquisem em outras fontes!

Mas, qual é essa fonte?

Esse é um dos principais pontos. Se todos podem publicar alguma notícia na internet, prefira os canais com boa reputação e histórico de credibilidade e profissionalismo.

De olho na data de publicação

Por vezes as fake news ressurgem como novidades mesmo que tenham sido desmistificadas no passado. Além disso, ao cruzar alguns dados com a data, é possível identificar alguns indícios da falta de veracidade.

Atente-se à qualidade da escrita

Se a fonte possui credibilidade, a notícia deve conter uma alta qualidade na escrita e em sua revisão.

Não pare no título

Mesmo que em uma leitura dinâmica, leia todo o conteúdo. Os títulos podem ser dúbios, até mesmo em notícias verdadeiras, gerando diferentes interpretações.

A dica final é que você e seu filho se ajudem, conversem e questionem sobre as notícias do dia a dia. Com o tempo esse processo de identificação se torna natural, contribuindo para um conhecimento sem ruídos.

Você conhece mais dicas para identificar as notícias falsas? Comente aqui pra gente! 💬

Deixe uma resposta