Como ensinar educação financeira aos filhos?

Como ensinar educação financeira aos filhos?

Tem interesse em ensinar educação financeira ao seu filho?

Se você já pensa em ensinar educação financeira ao seu filho, parabéns! Afinal, se a educação vem de casa, o mesmo vale para o bom uso do dinheiro, tema que nem sempre é abordado nas escolas, mas que fará a diferença por toda a vida.

Estimular a educação financeira nesta fase significa investir também em um adulto consciente, capaz de controlar seus gastos e gerir bem sua vida financeira.

Pode parecer complexo, mas com ações simples é possível fundamentar hábitos saudáveis desde cedo.

Esses passos pode variar de acordo com a idade, mas destacamos 5 dicas importantes:

1 – Mesada

Introduza a mesada, mesmo que com um valor baixo, para que seu filho possa iniciar seu aprendizado na prática.

2 – Necessidade x Desejo

É preciso entender o esforço para se conquistar o dinheiro, assim como o peso em gastar com determinado produto ou serviço. Diferenciar necessidade de desejo é um bom início para o próximo item.

3 – Poupar

Com a diferença entre necessidade e desejo em mente, aprender a ter mais consciência para economizar para o futuro é essencial. Com objetivos e metas claras, é possível superar a ansiedade e determinar o melhor uso para o dinheiro.

4 – Seja exemplo

A cultura de como lidar com o dinheiro pode partir de você. É importante se manter saudável financeiramente, pagar as contas em dia, evitar itens supérfluos e garantir uma reserva para o futuro. Isso tudo servirá de exemplo para o seu filho.

5 – Autonomia

Por fim, dê autonomia para o seu filho decidir como gastar, mas ajude-o a entender os pontos positivos e negativos de cada escolha feita. A evolução da responsabilidade é essencial para a vida financeira.

Você já faz uso de alguma estratégia? Comente aqui pra gente! 💬

Deixe uma resposta